Profecia e curas do Xamanismo

Por: Aaron Keene
21/04/2020


Meditação

Profecia e curas do Xamanismo


Profecia e curas do Xamanismo

Profecia dos Guerreiros do Arco Íris

“Quando o rio e o ar estiverem sujos, quando o ser humano houver se perdido completamente da linha da vida, quando os animais estiverem ameaçados, as ancestrais árvores cruelmente abatidas, quando a doença e a tristeza estiverem dizimando o povo vermelho, virá uma nova nação, uma nova tribo. Serão em grande número, surgirão de onde não se espera. Virão em muitas montarias, sua magia diferente, terão artes que desafiarão a compreensão. Serão de muitas cores, por isto essa Tribo será conhecida como Tribo do Arco-Íris, eles virão quando o fim parecer certo, eles virão e curarão a Terra”.

O xamanismo representa um conjunto de práticas espirituais ancestrais de conexão com o divino, utilizados para diversos fins, desde o autoconhecimento, iluminação, até a cura do corpo físico, mental, emocional ou espiritual.

Chamamos de práticas espirituais ancestrais as práticas e ritos mais antigos, que representam o berço de conexão espiritual da humanidade, livres de doutrinas religiosas, onde o homem se conecta diretamente ao sagrado através da natureza, de sons, ervas, aromas e elementos.

Equilibrar os 4 elementos em si e em tudo ao redor e reconectar com a Fonte [Grande Espírito] e com a capacidade de materialização [Grande Mãe] é uma forma de restaurar sua Divina Trindade interna [PAI-MÃE-EU CRÍSTICO] e estar fluindo no ritmo da vida, traduzindo em saúde, paz, alegria e abundância em todas as áreas da vida.

Podemos, assim, criar, ao invés de reagir; Manter consciência e domínio sobre o que é nossa energia e o que não nos pertence; Emanar paz ao invés de sintonizar com conflitos. Tudo isso independe de religião, pois é laico, é uma filosofia que faz parte de nossa origem ancestral, portanto, já é conhecida em nosso DNA. Também por isso nosso EU se regozija desta prática e resgate de sabedorias.

Sobre a profecia no início do texto, podemos interpretá-la de maneira muito direta, à luz significativa das próprias palavras, o que simbolizaria que um novo “povo” está vindo com o intuito de trazer cura à Terra e porventura, ao Ser Humano. Porém, podemos também olhar com um cunho mais espiritualista, onde essa Tribo não seria exatamente uma nova raça ou comunidade, seriam os próprios Seres e Mentores Espirituais, que por sua vez, tem o mesmo objetivo, curar a Terra de todo o mal sofrido. Olhando a profecia seguindo este último conceito, podemos nos perguntar: essa Tribo já está aqui? Será que estamos enxergando/notando ela?

Meditem… Paz Profunda!

Por A. Keene e A. Mangabeira
Compartilhar: